Doenças infantis e vacinas

Conheça as doenças infantis mais comuns neste post. Vamos explicar o que são, os sintomas e as formas de prevenção.

Doenças infantis mais comuns

As doenças infantis foram por muitos séculos as principais causas de óbitos dos pequeninos. Mas graças ao avanço da ciência sabemos como evitar e tratá-las.

Doenças infantis - tipos

Conheça agora as principais doenças infantis.

1 – Doença infantil – Catapora (varicela)

A catapora conhecida muito pelos nossos avós e pais foi praticamente erradicada pela vacina. Seus principais sintomas são as manchas e bolhas vermelhas pelo corpo que causam muita coceira. Além disso, o doente sente cansaço e fraqueza.

É uma doença viral muito contagiosa. Ela se dissemina através do contato com gotículas de saliva, secreção das bolhas ou pelo contato com objetos contaminados. A imunização é feita pela vacina tetra viral ou Tríplice viral.

2 – Doença infantil – Coqueluche

A coqueluche é uma doença bacteriana causada peloBordetella pertussis. Ela afeta principalmente o trato respiratório e a contaminação se dá pelo contato com gotículas de saliva.

Seus principais sintomas é a tosse seca, febre baixa, coriza e mal estar. A imunização é feita com a vacina Pentavalente e o reforço de DTP em grávidas.

3 – Doença infantil – Difteria

A difteria é uma doença causada pela bactéria Corynebacterium diphtheriae e que causa principalmente febre, coriza, dor de garganta que pode evoluir se não tratada para evoluir para quadros mais graves como paralisia e parada cardíaca/respiratória.

doenças infantis

Essa doença se dissemina através do contato com as gotículas de saliva. Sua imunização é realizada através da vacina tríplice.

4 – Doença infantil – Poliomielite

A poliomielite está praticamente erradica assim como outras da nossa lista. Ela é causada por vírus e altamente infeciosa através do contato com a saliva.

Conhecida por causar paralisia infantil, a poliomielite começa com dor de garganta e febre, podendo evoluir para a paralisia definitiva e nos piores casos a morte.

Sua imunização é realizada através da vacina antipólio oral (VPO – Sabin).

5 – Doença infantil – Caxumba (H3)

A caxumba é uma doença que causa uma infecção causada por um vírus de intensidade aguda. Os principais sintomas dela são dores e a inflamação das glândulas salivares.

Essa doença é mais frequente entre os 5 e os 14 anos e é transmitida principalmente com o contato com as gotículas de saliva. Sua imunização é realizada com vacinas (tríplice viral).

Ela causa outros sintomas como:

  • Inchaço e dor nas articulações;
  • Náuseas e vômitos;
  • Febre com duração de 3 a 5 dias;
  • Dor de cabeça;
  • Diminuição do apetite.

Para mais informações sobre Cachumba leia CAXUMBA: A DOENÇA DOS SURTOS.

Caso queira se aprofundar mais sobre doenças infantis e muitos outros temas da medicina conheça o Jaleko. Site especializado em conteúdo e cursos sobre conhecimento médico.

Acesse os canais do Jaleko acesse o melhor conhecimento sobre medicina:

Continue a leitura sobre doenças infantis e agora a ação das vacinas.

Por que vacinar evita doenças infantis?

As doenças infantis eram a muito tempo uma das principais responsáveis pela mortalidade infantil. Até o século XIX a mortalidade infantil era muito alta, mas isso mudou drasticamente com uma série de mudanças culturais, científicas e tecnológicas.

Doenças infantis - porque vacinar

Juntamente com o saneamento básico, hábitos de higienização, melhoria na alimentação, avanço da ciência, antibióticos e muito mais as vacinas foram um divisor de águas no combate a doenças infantis.

As vacinas foram uma arma eficaz que possibilitou a erradicação de doenças infantis infecciosas que levavam milhares de pequeninas vidas todos os anos.

Como funciona a vacina no combate de doenças infantis? 

As vacinas têm o objetivo de estimular o corpo humano a produzir anticorpos contra determinado microrganismo patógeno. Como o nosso organismo produz anticorpos na presença desses microrganismos, a vacina usa desse mecanismo sem que você precise desenvolver a doença.

Doenças infantis - como funciona a vacina

Mas como eu vou me expor aos patógenos, produzir os anticorpos para ficar imune e não desenvolver a doença ao mesmo tempo?

Simples. A vacina contém uma quantidade irrisória de patógenos que vão estimular o seu corpo a produzir os anticorpos. Mas calma, há todo um processo para se ter certeza de que a vacina é segura e não vai causar nenhum problema para a pessoa que vai recebê-la.

O tipo de estratégia de imunização depende muito das características particulares vírus ou bactérias que a vacina quer combater. Conheça abaixo os diferentes tipos de estratégias de imunização.

Quais os tipos de vacinas e quais os tipos de doenças que elas imunizam?

Muitas doenças infantis hoje foram erradicadas graças a ação das vacinas e outras estratégias imunizadoras. 

Doenças infantis - quais as doenças que a vacina imunizam

Vamos mostrar algumas a seguir.

Vacinas inativadas

As vacinas inativadas que se utilizam de microrganismos mortos combatem os seguintes tipos de doenças:

  •          Pólio;
  •        Cólera;
  •          Raiva;
  •         Influenza;
  •        Hepatite A.

Vacinas com partes de microrganismos 

Esse tipo de vacina utiliza algumas partes de microrganismos para estimular a produção de anticorpos. 

Tipos de vacinas

Veja algumas das doenças que são imunizadas por esse tipo de vacinas:

  •          Hepatite B;
  •          Meningite;
  •          HPV;
  •          Haemophilus influenzae.

    Vacinas toxoides

As toxoides são vacinas que inoculam na pessoa as toxinas do microrganismo para estimular a imunização contra a doença que o organismo causa. Assim, é uma forma mais indireta de imunizar as pessoas. Veja abaixo algumas dessas doenças:

  •          Tétano;
  •          Difteria.

      Imunoglobulinas

As imunoglobinas utilizam de dos anticorpos contra o microrganismo para gerar a imunização na pessoa. Confira a seguir algumas das doenças combatidas por esta estratégia de imunização:

  •       Hepatite B;
  •          Raiva;
  •          Difteria;
  •          Catapora;
  •          Sarampo;
  •          Tétano.

Vacinas vivas atenuadas

As vacinas vivas imunizadas são geradas a partir dos microrganismos vivos e enfraquecidos. Nesse caso, são feitos todos os protocolos para se ter certeza de que os organismos presentes serão incapazes de gerar a doença. Segue abaixo a lista de doenças deste tipo de imunização:

  •  Catapora;
  •  Rubéola;
  •  Caxumba;
  •  Varíola;
  •  Sarampo;
  •  Febre amarela.

Obrigada por nos acompanhar até aqui no Estou crescendo!

Até o próximo post.

Add Comment